828

SAMSUNG DIGIMAX A503O Frevo é música e dança originárias de Pernambuco, a partir das bandas marciais tocando dobrados e dos passos de capoeira, acompanhados pelo povo nas ruas. A palavra “frever” é uma corruptela de ferver, tendo sido registrada pela primeira vez no Jornal Pequeno, do Recife, em 9 de fevereiro de 1907 (Antologia do Carnaval do Recife).

Nelson Ferreira, Edgar Moraes, Capiba, Lídio Macacão e Antônio Nóbrega são compositores que têm/tiveram presença marcante na construção e manutenção da tradição do carnaval de Pernambuco, compondo e editando frevos que se têm perpetuado pela beleza de letra e melodia.

EVOCAÇÃO NO. 1 – Nelson Ferreira

Arrumadinho de charque (150g de charque, feijão, farofa e verdura)

EVOCAÇÃO NO. 2 – Nelson Ferreira

Arrumadinho de Bacalhau (100g de bacalhau, feijão, farofa e verdura)

MADEIRA QUE CUPIM NÃO ROI – Capiba

Queijo coalho (200g) assado na chapa

OLODUMARÉ – Antonio Nóbrega

Peixe frito em posta (500g), acebolado, com azeitonas, pimentão e tomates

VALORES DO PASSADO – Edgar Moraes

Camarão do mar in natura (500g) no alho e óleo

MÚSICA, MULHERES E FLORES – Lídio Macacão

Lagosta in natura (1 kg) no alho e óleo

 

Os pratos com lagosta são servidos dependendo do nosso estoque, respeitado 0 período da pesca legal,  de junho a dezembro. Nos outros meses, chamado período do defeso, época de reprodução do crustáceo, a pesca é proibida.

Os pratos apresentados nesta seção não representam a totalidade do nosso cardápio. O intuito é apresentar a diversidade gastronômica a qual você poderá desfrutar.